Tivemos um sonho
Dedicámos sempre tempo a estar perto da terra, sentir a sua pulsação e crescer com ela. De forma inevitável, a partir desse contacto começámos a sonhar em criar.
Beijo do Bosque, Mel Beijo do Bosque, Velas Beijo do Bosque, Comprar mel orgânico, Mel orgânico, Mel natural, Mel puro, Velas naturais
73
post-template-default,single,single-post,postid-73,single-format-standard,bridge-core-2.2.3,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-22.7,qode-theme-bridge,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.1,vc_responsive

Tivemos um sonho

Entre tantas coisas que nos unem, a vontade de sonhar e o vínculo que temos com o meio ambiente fazem, sem dúvida, parte do conjunto.

Ambos nos sentimos em casa nos lugares mais intocados. Na verdade, é na natureza em estado puro que encontramos a nossa maior fonte de aprendizagem e de inspiração.

Deslumbra-nos a melodia do mar, a silhueta das montanhas, as constelações que cobrem o céu, o perfume dos pinhais, o fogo que toma conta dos vulcões em erupção. Junto da natureza, sentimos descobrir sempre mais acerca do mundo mas também sobre nós próprios, já que ela nos oferece a oportunidade de abrandar, de nos escutarmos verdadeiramente e, se assim entendermos, de a cada manhã começarmos de novo.

Dedicámos sempre tempo a estar perto da terra, sentir a sua pulsação e crescer com ela. De forma inevitável, a partir desse contacto começámos a sonhar em criar, verbo que faz parte tanto da essência de um, como do outro.

As abelhas, presença constante na floresta, conquistaram-nos facilmente, ao revelar-nos como tocam gentilmente em tudo o que amamos: as árvores, as plantas, as flores, as aves, os insetos, todo o universo do bosque. Se nos aproximarmos da colmeia, vemos ainda como estes pequenos seres são uma verdadeira lição de união, esforço e companheirismo para qualquer humano.

O nosso fascínio por elas cresceu, a ligação à terra também, e depressa demos por nós já com os pés abeirados ao sonho latente de fazer nascer algo novo, sempre em equilíbrio com a natureza. Com a mesma naturalidade com que acordamos para um novo dia, decidimos mergulhar.

Hoje trabalhamos para revelar o lado mais doce e delicado da floresta portuguesa. Para transportar a sua energia até ao maior número de casas. Esta tarefa requer uma boa dose de esforço, mas é assim que vivemos felizes: lutando por cumprir, todos os dias, o sonho de adoçar bocas e corações.

Bem-vindo ao Beijo do Bosque, um sonho tornado realidade. 🧡

Sem comentários

Publicar comentário