Mel de Montanha Chegou

O Mel de Montanha chegou

Mesmo em 2020, existem momentos especiais – e este é um deles. 🧡

No início do ano, transportámos algumas das nossas abelhas das Serras de Aire e Candeeiros para a Pampilhosa da Serra, de modo a polinizar este território que foi o berço e o abrigo dos meus avós, dos meus pais e, por isso, também um pouco meu.

A Pampilhosa da Serra é uma região constantemente fustigada pelos incêndios, que necessita muito de ser regenerada, e onde os insetos polarizadores desempenham um papel muito importante nesse caminho.

Ao longo do ano, visitámos regularmente os nossos enxames, cuidámos deles e aguardámos pacientemente, entre a urze e o rosmaninho em flor, pelo mel que poderiam ter para nos oferecer.

O resultado desse trabalho de amor levado a cabo por nós e pela natureza chega-nos por fim agora, tão doce como o olhar dos meus antepassados sobre mim.

Mel de Montanha Chegou

Partilho convosco a alegria deste dia, oferecendo um poema escrito por mim às primeiras 20 encomendas de Mel de Montanha.

Com mel, poesia e horizonte, certamente nada mais nos faltará. ✨

Sem comentários

Publicar comentário